sábado, 29 de março de 2008

NA DISTANTE E DENSA LUZ DA ASTROGENIA


Alguém se habilita? Olha aí pessoal, prêmios de R$3.000,oo, R$2.000,00 e R$1.000.00. Recebi este recado e achei legal passar para quem quiser participar. Um abraço e boa sorte...6º CONCURSO LITERÁRIO GUEMANISSE DE CONTOS E POESIAS / 2008www.guemanisse.com.breditora@guemanisse.com.br


Este escrito vive em processo de transformação...estranho, mas estou sempre mexendo nele...mudo palavras, acrescento, retiro, volto com algumas...sei lá...





Na distante e densa luz da astrogenia


Abriguei na vasta imensidão da alma
Um sem fim de luz que ainda sorria

Guardei nos arredores meus desejos
E dentro deles o meu sol de nostalgia

Reguei a flor de lis que então se foi
Levando a chuva e com ela minha quimera

Roguei aos céus por flores descabidas
Ao sentir nascer o fim da primavera

Naveguei meu barco na tua ciranda
E no mar deixei a sós minha saudade

Naufraguei nas ondas sob teus afetos
Num maremoto feito de cumplicidade

Mas, o sonho então se foi na despedida
Ao seguir os ventos vindos do outono

Então do céu o azul se foi pra sempre
Forjando um triste rastro de abandono

Como saber se esta luz ainda brilha
Se o destino é feito às vezes de ironia

Como saber se este azul ainda trilha
Na distante e densa luz da astrogenia

quinta-feira, 27 de março de 2008

SE...



Alguém se habilita? Olha aí pessoal, prêmios de R$3.000,oo, R$2.000,00 e R$1.000.00. Recebi este recado e achei legal passar para quem quiser participar. Um abraço e boa sorte...

6º CONCURSO LITERÁRIO GUEMANISSE DE CONTOS E POESIAS / 2008www.guemanisse.com.breditora@guemanisse.com.br



Se...

Se o meu “eu” falasse

E ao traduzir-me

Fiel aos seus princípios

Devastasse minha alma

Libertaria egos

Libertaria medos

Libertaria sonhos

Libertaria Elcios

sexta-feira, 21 de março de 2008

AMOR DE OUTONO


AMOR DE OUTONO



MEU CORAÇÃO DE PRIMAVERAS TE AGUARDAVA

ROGAVA AO VENTO TER DE VOLTA QUEM AMAVA

MAS DE TI PERDI A ROSA, O BOTÃO E O SEU ENCANTO

DO BEM-ME-QUER AS SUAS PÉTALAS EM PRANTO


SEGUI NO AZUL A BORBOLETA EM SENTINELA

NA BUSCA INSANA PELA ROSA AMARELA

NUM DESFOLHAR DA NATUREZA EU AGONIA

EM VEZ DE SONHO FIZ DA INSÔNIA POESIA


MAS POR PAIXÃO EM DESVENTURA SIGO EM FRENTE

PEÇO AO VENTO TE ENCONTRAR URGENTEMENTE

ATRÁS DA FLOR EU ME PERDI NUM LABIRINTO

EMBRIAGADO PELAS FOLHAS DO ABSINTO


SEM MINHA ROSA AINDA ME LEMBRO DO JARDIM

DAS MARGARIDAS, VIOLETAS E O JASMIM

NEM SEI SE É BRANCA OU AMARELA ESTA SAUDADE

SÓ SEI QUE A DOR QUE É INCOLOR MEU PEITO INVADE


PRA NÃO SOFRER O MEU OLHAR JAMAIS TE ALCANÇA

POR TÃO DISTANTE ENTREGO O SONHO A ESPERANÇA

MAS POR AMOR AINDA SOU EU QUEM MAIS TE ESPERA

QUEM SABE UM DIA SER DA FLOR A PRIMAVERA

domingo, 16 de março de 2008

CANÇÃO


Canção

Fecho os olhos
E por instantes silencio
E é na canção que em mim tardia
Que o vento invade
Trazendo intensa
Em minha alma
A emoção
Que me arrepia

VAZIEZ




Vaziez


A dor faz surgir universos,

tantos e estranhos,

inclusive os que agora me atravessam,

mundos não planetas,espadas de dois gumes,

luas frias e cortantes

afrontando a minha carne

- de que vale a minha vontade?

-como se eu fosse tão somente

o espaço da vaziez por onde giram.


Este poema é atravessado, aberto. Poderá ser refeito. Ou deletado.


DAURI BATISTI (blog essapalavra). Parabéns Dauri.

domingo, 9 de março de 2008

EU, SENTIMENTO

CLARICE LISPECTOR...TENHO ME IDENTIFICADO BASTANTE COM OS POEMAS E TEXTOS QUE ELA ESCREVEU...


EU, SENTIMENTO


NÃO QUERIA SER SÓ SENTIMENTOS

E TÊ-LOS ASSIM EXPLÍCITOS NA ALMA

COMO ESPINHOS QUE CORTAM A CARNE

MAS TRAGO-OS AFIADOS NO CORAÇÃO

NAS ENTRANHAS DO QUE ME FAZ EMOÇÃO

SOU ASSIM E NÃO ME FURTO DISSO

AÍ ENTÃO, NÃO SEI SE CHORO OU SE SORRIO

NÃO SEI SE GRITO OU SILENCIO

SÓ SEI QUE SEI QUE EU NEM SEI

SE EU FOGO OU PAVIO

SE EU CHUVA OU ESTIO

sexta-feira, 7 de março de 2008

VIDA, UM PRESENTE DE ANIVERSÁRIO

Elis e Lukas, minha filhota e meu genro. Por "incresça que parível", fazem aniversário no mesmo dia, feliz coincidência, feliz aniversário para vocês dois. E que esta coincidência possa ser mais do que um simples acaso, aliás, nada é por acaso, há de se ter um propósito. Deixo pra vocês com todo amor e carinho, meu texto oficial de aniversário...rsss...Um abraço apertado na alma e um beijo no coração dos dois. FELIZ ANIVERSÁRIO!!

VIDA, UM PRESENTE DE ANIVERSÁRIO.
FAZER ANIVERSÁRIO É RECEBER DA VIDA UM CONVITE
É ACORDAR COM UM SORRISO DISFARÇADO DE QUE NÃO ESTÁ NEM AI
É FAZER FESTA PRA SI PRÓPRIO E SOLTAR FOGOS DENTRO DA ALMA
É BATER PALMAS PRA VIDA E PRA TUDO O QUE ELA REPRESENTA
É ACREDITAR QUE APESAR DE SEUS LIMITES VOCÊ É MUITO ESPECIAL
É SABER QUE AO SE OLHAR NO ESPELHO ESTARÁ MAIS MADURO
E TÃO CONSCIENTE DISSO QUE FICARÁ ALEGRE POR SABER QUE MAIS UM ANO DE APRENDIZADO SE PASSOU
E QUE MUITAS FORAM AS LIÇÕES RECEBIDAS NESTE BREVE PERÍODO EM QUE O RISO FOI SEMPRE MAIOR DO QUE A LÁGRIMA
TÃO MAIOR QUE A TRISTEZA SUCUMBIU SEM GRAÇA DIANTE A SUA INSISTÊNCIA EM BUSCA DA FELICIDADE
TANTO QUE ALGUNS SONHOS TRANSFORMARAM-SE EM REALIDADE E O QUE PARECIA SER UM PESADELO SE DESFEZ NO DIA A DIA COM A AJUDA DAS PESSOAS QUE TE AMAM E COM A SUA PRÓPRIA
PERSEVERANÇA
ENTÃO SE QUISER GRITE, PULE, ORE, FAÇA UM BOLO, SAIA, COMEMORE, E DÊ A VOCÊ MESMO UMA LEMBRANÇA DE ANIVERSÁRIO
PRESENTEIE-SE COM UM LIVRO, UM PERFUME, UM CD, OU QUALQUER COISA QUE NO MOMENTO POSSA TE DEIXAR AINDA MAIS FELIZ
MAS SE A GRANA ESTIVER CURTA NÃO DESISTA, ENVIE PARA VOCÊ UMA TELE-MENSAGEM DAQUELAS BEM AÇUCARADAS E CHORE DE ALEGRIA, AO SABER O QUANTO VOCÊ SE AMA
E DEPOIS SORRIA COMO SORRISO DOS AFORTUNADOS, POIS SUA VIDA É O SEU E O NOSSO MAIOR PRESENTE
MAS NÃO ESQUEÇA DE AGRADECER A DEUS POR MAIS UM ANO DE VIDA,DE AGRADECER PELO CALOR DO SOL, PELOS DIAS DE CHUVA, PELO PERFUME DAS FLORES, PELO ARCO-ÍRIS, PELO PERDÃO, PELA PALAVRA DADA, PELO CARINHO TROCADO, PELO SORRISO, PELA MÃO AMIGA, PELO SIM E PELO NÃO, PELA LUZ, POR UM ABRAÇO APERTADO, POR SEU TRABALHO, PELA SUA CASA, PELO ALIMENTO DE TODO DIA, POR SEUS AMIGOS, PELA SUA FAMÍLIA, ENFIM...
POR TUDO O QUE NOS FAZ CRESCER COMO SER HUMANO E QUE ÀS VEZES PASSA DESAPERCEBIDO NA CORRERIA EM QUE VIVEMOS.

sábado, 1 de março de 2008

É BEM MAIS SIMPLES O LILÁS DA FLOR-DE-LIS

Olá pessoal, fiz esta postagem porque ontem recebi a confirmação da publicação de meu livro. Espero que seja apenas o primeiro de muitos outros. A capa foi meu irmão quem fez e o livro recebeu o nome deste poema, "É bem mais smples o lilás da flor-de-lis" que também virou música por intermédio de uma parceria feita com meu outro irmão. Obrigado irmandade, obrigado família, obrigado amigos e a todas as pessoas que de alguma forma apoiaram este meu sonho. Um abraço a todos, a alegria é tanta que queria dividir com vocês aqui do blog também. Um abraço...Elcio



É BEM MAIS SIMPLES O LILÁS DA FLOR-DE-LIS


DO PESADELO HÁ QUANTO TEMPO A MINHA SINA
DA CHAMA QUENTE DO CONFLITO A INSENSATEZ
TODA A SAUDADE O CORAÇÃO EM DESALINHO
É MAL DE MIM POR UM SEGUNDO SER FELIZ

ATRÁS DA PORTA É SENTINELA A MINHA INSÔNIA
TEMPO PERDIDO DE UM INVERNO DE PROMESSAS
QUE VAI SANGRANDO NA MISÉRIA DAS MENTIRAS
DOIS CORAÇÕES, MAIS QUE A PAIXÃO, ESTÓRIA ANTIGA

LÁ DE LONGE, OUTRAS PALAVRAS JÁ É TARDE
DAS SUAS JURAS O MEU DOM DE ILUDIR
FOME DE AMOR, NADA PRA MIM, FIQUEI SOZINHO
MEU BEM QUERER, ATÉ O FIM, ONDE ANDARÁ

DE CORPO E ALMA, SEM VOCÊ O DESALENTO
DE FLOR EM FLOR, UM SOLITÁRIO PASSARIM
DIAS DE CHUVA, ESPELHOS D’ÁGUA NA VARANDA
CHOVE LÁ FORA E A MINHA VIDA EM SUAS MÃOS

O QUE SERÁ DAS CICATRIZES DO MEU VÍCIO
COTIDIANO PENSAMENTO SEM RESPOSTA
O BEM E O MAL NUNCA TALVEZ SEJA ENCONTRO
É BEM MAIS SIMPLES O LILÁS DA FLOR -DE -LIS