segunda-feira, 3 de maio de 2010

Reencontro de mim



Reencontro de mim

Serenamente repudio cada tentativa
E de repente quando vejo
A parte inadimplente do cotidiano
Transforma-se num instante tão pequeno
Que generoso, meu coração se multiplica
E sorri, como terna avalanche
Soterrando dúvidas e qualquer incerteza
Aí então, visto-me com a compreensão
Abraço com ternura o real significado
E dispenso educadamente a minha insensatez
Depois aumento meu estoque de sorrisos e perdões
Desconsidero os meus erros e me abraço
Conservando com amor e carinho
Toda a essência da primavera
Pois agora o que me abriga
É o que me ausenta das tormentas
É o que me sustenta e alimenta a alma
Aflorando o que de mais sublime
E que a partir de agora
Encoraja, consome e ainda devora
Esse tão necessário e inevitável
Reencontro de mim

Por favor...não deixem de ler esta propaganda:

Hein??? Como??? Espaço Saúde no Espaço Aberto?
É isso aí galera blogueira...



Não percam no blog ESPAÇO ABERTO a matéria imperdível sobre Mutismo Seletivo com o casal Carmem e Rafael, uma dupla mais que perfeita que tem muito a nos ensinar.
Um abraço na alma e um beijo no pessoal do Espaço Aberto..eita espaço bacana esse...rsrs...brigadim amigos pelo espaço...
Um abraço na alma e um beijo pra todo mundo...não esqueçam da entrevista hein..rsrs
Valeuuuuuuuuuuuuuuu...de coração e alma...euuuuuuuuuuu...rs

27 comentários:

  1. Elcio!!
    que legal,o agito continua!

    Hoje eles hão de consagrar
    O dia inteiro pra se amar tanto
    Ele, o artesão
    Faz dentro dela a sua oficina
    E ela, a tecelã
    Vai fiar nas malhas do seu ventre
    O homem de amanhã.
    Chico Buarque
    Excelente semana,boas energias!

    Mari

    ResponderExcluir
  2. ...é madrugada em céu de
    estrelas, e eu coruja
    amiga da lua deixo-me
    embalar pelo silêncio
    que exala a paz.

    a paz que me permite o
    reencontro com meus ais,
    e deles tirar lições
    que me enriquecem a alma.

    volto a repetir que o
    entrevistado da hora
    deveria ser você...rsrs

    bom dia, querido poeta!

    ResponderExcluir
  3. Élcio,

    Lendo o seu Reencontro de mim, leio a beleza de um processo de amadurecimento, leio o perceber-se, o sentir-se, o ressurgir...assim li.

    Venho acompanhando a palavra primavera em seus poemas, ela significa a renovação da vegetação....e aqui, quem sabe, a renovação do ser...

    Mas sem interpretações, é bom sentir quando florimos, quando brotamos de nós mesmo.

    abraço!

    ResponderExcluir
  4. Nossa!
    bonito esse gesto de abraçar-se, acolher-se, perdoar-se. É uma atitude que precisamos cultivar para Viver bem e melhor.
    Grande abraço


    Uma reclamação:(rssss)
    Pôxa, porque vc não foi ver o meu Outono? Eu te esperei tá....

    ResponderExcluir
  5. Ei tô meio tristinha com cê viu!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Lindo poema! Já fui lá e gostei!abração,chica

    ResponderExcluir
  7. Olá Elcio. Fico feliz em degustar tão belas palavras no meu café da manhã. eu que perco um tempo gigante buscando esse tal "reencontro" ... hoje saio daqui feliz, feliz ...
    Bela postagem.
    Abraço
    Elis

    ResponderExcluir
  8. Esse reencontro me faz pensar no meu recomeço... aquilo que decidimos reinventar, renovar, assumir ou mesmo sumir! Tão generoso desconsiderar nossos erros e poder nos abraçar, querido Elcio! Belo texto, perfeito para uma linda manhã ensolarada, mas um pouco fresca, de outono! Um beijo, Deia

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Reencontrarmos...é preciso!

    Só assim alcançamos a paz interior!

    Eu estou numa fase em que estou encontrando o meu caminho e reencontrando os meus espaços.

    Como sempre é uma emoção estar aqui...

    Nosso Espaço está lá pronto para acolher a todos!

    Beijos e carinhos de quem te quer bem!

    ResponderExcluir
  11. Assim é bom encontrar-se com si mesmo, com muito amor e tolerancia.
    bijos

    ResponderExcluir
  12. "E dispenso educadamente a minha insensatez".

    ______
    Queria ser assim.
    Porque eu dispenso a pontapés o meu bom senso.. kkkkkkkkkkk

    Beijo, padim!

    ResponderExcluir
  13. Então você estava lá o tempo todo, numa outra identidade?

    E eu nem desconfiei que era você.
    Valeu!

    Um abração

    ResponderExcluir
  14. Tudo bem de novo!
    Mas some assim pro cê vê!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Élcio, eu sou um dos que pensam que o
    "estoque de sorrisos e perdões" diminuiu a índices alarmantes. Como seria bom se as pessoas não pensassem mais de si do que devem. Se fossem mais tolerantes e não ficassem procurando erros e equívocos nos outros.
    Como seria bom!

    ResponderExcluir
  16. Reencontrar-se é sempre especial, é o momento gostodo de voltar , se achar no outro ou em si mesmo.
    Gostei demais!
    abraços

    ResponderExcluir
  17. OLÁ QUERIDO ELCIO, MARAVILHOSA ESCRITA... FIQEI EMOCIONADA... ADOREI... UMA NOITE FELIZ...!
    ABRAÇO DE CARINHO,
    FERNANDINHA

    ResponderExcluir
  18. Elcio!!
    Que lindo reencuentro.
    Un lujazo leerte. Besos mil!!!

    ResponderExcluir
  19. Boa noite, meu amigo Elcio!

    Reencontrar-se com nós mesmos é algo que devemos fazer constantemente e, às vezes, a vida só pode seguir depois desses reencontros.
    Lindo poema, como sempre.

    Perdão pela ausência. A San deve ter lhe dado notícias.

    Um beijo e um abraço na alma, meu grande amigo!

    ResponderExcluir
  20. Olá, Elcio... gostei muito de "Reencontro de Mim"...é fato que não é fácil nem o encontro,quanto mais o reencontro, rs.Grande abraço!

    ResponderExcluir
  21. ola querido verseiro.

    lindo poema quem as vezes assim não se sente,vim deixar um bjo.marcia

    ResponderExcluir
  22. Amigo Elcio...
    O seu poema é absolutamente lindo, mas prá falar a verdade estou às gargalhadas com o que li no final sobre a Vivi do InFocO, de ser uma amiga inoxidável... essa foi ótima!!!
    Lindo poema, meu querido!
    Beijos, flores e muitos sorrisos!

    ResponderExcluir
  23. ____________________________________


    Um "senhor poema", meu talentoso amigo!

    Gostei! Li devagar, absorvendo cada frase e gostei, gostei muito!


    Beijos de luz e o meu carinho...


    ___________________________________

    ResponderExcluir
  24. Estimado Amigo:
    Um "Espaço Aberto" de fascinar fruto de uma significação preciosa de talentos de cativar.
    Parabéns pelo enorme valor humano que possui.
    Abraço a si e ao seu talento gigante em tudo o que faz com maravilha.
    Com constante admiração pela pureza dos seus sentimentos e dos seus pensamentos sublimes de maravilhar.

    pena

    Bem-Haja, pela sua amizade que prezo de forma gigantesca.
    MUITO OBRIGADO, amigo de bem.
    É extraordinário.

    ResponderExcluir
  25. Elcio meu amigo,
    fico muito feliz com este reencontro contigo mesmo.
    As vezes não sei porque motivo deixamos adormecer algo importante dentro de nós.
    Este algo que nos faz bem e nos motiva.
    E deves mesmo abraçar-se a si mesmo, pois é grandioso seu coração e sua bondade e isto já lhe basta para orgulharsse de si mesmo por ser este Ser humano tão lindo que és!
    Ah! Eu só queria saber escrever tão lindos poemas assim!
    beijo terno na tua linda alma fraterna e poeta...

    ResponderExcluir
  26. Olá Elcio, eu vivo tentando me reencontrar, mas não tem sido fácil.

    Tua poesia é linda, profunda e me envolveu bastante.

    Quanto ao espaço saúde no Espaço Aberto, acabei de vir de lá, nossa que maravilha, vocês que fazem parte deste espaço, estão de parabéns.

    Beijos com carinho.

    ResponderExcluir
  27. Rapaz show de bola! Poesia de mestre. Abraço

    ResponderExcluir

Semeando