quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Tacitamente explícito



Tacitamente explícito

Sou um pouco tácito
Nesse meu explícito

O meu não é cético
De sentires ácidos

Tudo em mim é afecto
E um tanto cíclico

Tenho um lado hídrico
E outro circunspecto

Visto versos críticos
Em minh’alma cálida

Sonho sonhos híbridos
E uma ternura sólida

Abraço rimas lúdicas
Num sentir que é mágico

Meu abalo é sísmico
E o despautério é cósmico

Tudo em mim deságua
Vento, chuva e emoção

Em meus olhos d’água
Eu afogo a razão


Elcio Tuiribepi

18 comentários:

  1. Elcio
    um poema deleite que seduz o leitor,o atordoa com a sublimidade dos versos.Impecável!
    vou deixando abraços ,silenciosamente ,sem mais comentários.
    parabéns ,é lindo!

    ResponderExcluir
  2. Meu querido Élcio, vc deslumbra com esse poema. Pegou na alma. Abçs.

    ResponderExcluir
  3. Meu querido amigo Elcio!
    Palavras para quê?Se eu já não tivesse lido essa alma feita de ventos de emoção, com os afetos em olhos de água , onde navegam estas rimas lúdicas de pura beleza poética , ficaria estática perante tão linda poesia! Mas tudo vem confirmar o enorme coração que guarda tão fantásticos sentimentos!
    Um abraço nesse coração!


    lúdicas,ventos de emoção tudo em mim é afeto olhos de água

    ResponderExcluir
  4. Elcio,
    Poema feito por gente grande,e de muitas genturas,nas rimas,há legitimidade,em sua Madurez...Mandou bem..
    Um abraço panda, cheio de boas energias!
    E vamos que vamos!
    Bjo
    Mari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gosto dessa palavra Mari, não só pela sonoridade que me agrada, mas principalmente pelo conteúdo que ela me concede...
      Um abraço na alma...
      Bjo

      Excluir
  5. Que dinâmica boa deste poema. É como foi dito mais acima "um poema que seduz o leitor". Parabéns sr explicitamente oculto, rsrsrsrs!

    Grande abraço, saúde e muita paz!


    =D



    ResponderExcluir
  6. Boa noite amigo

    Metáforas que encontra as palavras bem feitas entre rimas e letras desencontradas...muito bom mesmo chegar aqui.

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Assim se vive, silenciosamente.
    Sentimentos navegando de um extremo ao outro, mas às claras com tudo que acredita!
    Bom fim de semana! Beijus,

    ResponderExcluir
  8. Meu querido amigo

    Súblime este poema, adorei.

    Beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  9. Há um ritmo esplêndido nestas proparoxítonas... Cada verso é uma surpresa - que encanta, queemociona com sua evidente beleza. Estou tomada de admiração. Grande poeta!

    Me esqueceste, eu sei!

    Beijo

    ResponderExcluir
  10. Um encanto de poema, aprecio essa leveza que dá uma beleza suprema às suas palavras.

    Bom domingo!

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  11. Tácito e explicito. Opostos que se complementam, já que o tácito não se explica, se compreende...
    Por seres tudo isto és maravilhoso mas já te disse muitas vezes não é? Nunca são demais! ;)
    Um beijinho com muita amizade.

    ResponderExcluir
  12. tudo em mim é afeto...

    ah...
    tudo em mim é afeto...
    você escreve lindamente !

    beijo Élcio...

    a-d-o-r-e-i

    ResponderExcluir
  13. O importante é ser capaz de sentir. Isso nos torna humanos. Por outro lado... afogar a razão muitas vezes traz mais dor e desilusão que paz ou felicidade... Seja como for... não podemos nos conter... seja tácito ou explícito... todos sentimos... todos nos afogamos em sentimentos... abertos ou reprimidos...
    Bons versos.
    Adorei a rima.

    Esyath Barret
    www.historiasdesconexas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Caro amigo.

    Como em um dançar
    de almas,
    os versos curtos,
    se fizeram perfeitos.


    Que sempre existam
    sonhos a habitar teu coração.

    ResponderExcluir
  15. Oi Elcio, voltei para dizer que tem nova postagem com dica sobre AutoCAD, se quiser conferir o link direto é:


    http://miltonkennedy.blogspot.com/2012/02/autocadicas-8.html


    Grande abraço e muita paz!

    ResponderExcluir
  16. Seus versos são claros como a água meu amigo!

    Abraços e parabéns!

    ResponderExcluir

Semeando